RadarPB - Notícias de Triunfo - PB

  • contato@radarpb.com.br
  • (83) 9 9952-1219 / (83) 9 9631-7511

Maior ingestão de sal está associada a maior risco de diabetes de tipo 2

29 set 2017

O novo estudo incluiu dados de alguns milhares de pessoas na Suécia. Os resultados mostraram que a ingestão de sal foi associada com um aumento médio de 65% no risco de desenvolver diabetes tipo 2 por cada 2,5 gramas de sal (um pouco menos de meia colher de chá) consumidas por dia.

As pessoas com a maior ingestão de sal (cerca de 1,25 colheres de chá de sal ou mais) foram 72% mais propensas a desenvolver diabetes tipo 2 do que aquelas com a menor ingestão, descobriram os pesquisadores.

O estudo foi apresentado na reunião anual da Associação Europeia para o Estudo do Diabetes (EASD) em Lisboa, Portugal.

O estudo atual não analisou a forma como o sal pode aumentar o risco de diabetes. Mas os pesquisadores sugeriram que o aumento da ingestão de sal pode estimular a resistência à insulina, uma condição que pode levar à diabetes tipo 2. Ou, poderia ser que a ingestão de sal estava relacionada a um peso maior.

O estudo não pode comprovar uma relação direta de causa e efeito, apenas uma associação.

O alto consumo de sal também foi associado a um risco significativamente aumentado de diabetes autoimune latente em adultos, uma forma de diabetes tipo 1 que se desenvolve muito devagar e aparece na idade adulta.

Os achados do estudo podem ser importantes nos esforços para prevenir diabetes em adultos, disseram os pesquisadores em um comunicado de imprensa da EASD.

Terra