RadarPB - Notícias de Triunfo - PB

  • contato@radarpb.com.br
  • (83) 9 9952-1219 / (83) 9 9631-7511

João Pessoa é a capital do Nordeste onde há mais traição, segundo ranking

29 jul 2020

João Pessoa é a capital do Nordeste onde mais há traição, segundo ranking obtido com exclusividade pelo ClickPB com o site de relacionamentos extraconjugais Ashley Madison. A capital paraibana passou Recife no ranking. Até o final do ano passado, a capital pernambucana ocupava a 12ª posição no Brasil, enquanto João Pessoa estava no 15º lugar, com base em dados de cadastros, coletados até fevereiro de 2019.

Agora, a capital da Paraíba está na 12º posição no ranking da Ashley Madison no país e o Recife na 18ª colocação, ficando atrás de São Luís (14ª) e Salvador (15ª).

A capital com mais traição nacionalmente, conforme o ranking do Ashley Madison, é Brasília (DF). Em segundo lugar está Manaus (AM) e em terceiro lugar aparece São Paulo (SP). “Liderando o caminho como o primeiro lugar para trair durante a quarentena, no entanto, é a capital federal, Brasília. A capital é o centro da política do país, e a pressão nesta vertente aumentou de maneira compreensível nos últimos meses. Com a pressão vem a necessidade de lidar com ela, e muitos descobriram que a infidelidade é uma maneira eficaz de fazê-lo”, diz o site Ashley Madison sobre o aumento de cadastrados na capital federal.

Os dados novos, coletados entre 21 de março e 1º de julho de 2020, mostram também que o estado de São Paulo tem mais municípios na lista dos 20 mais infiéis do país. São cinco cidades paulistas no ranking: São Paulo capital, Guarulhos, Campinas, São Bernardo do Campo e Santo André.

“Em meio à atual pandemia do coronavírus, o mundo desacelerou e as pessoas estão em casa para impedir a propagação. Para muitos, isso significa ficar em casa 24 horas por dia com seu cônjuge. Alguns podem aproveitar isso como uma oportunidade de cooperar com o parceiro e, junto dele, passar pela pandemia como uma equipe. Outros podem estar sujeitos a tensão amplificada e optar por procurar saídas para ajudá-los a passar pelo período”, relata o site de relacionamentos.

ClickPB