RadarPB - Notícias de Triunfo - PB

  • contato@radarpb.com.br
  • (83) 9 9952-1219 / (83) 9 9631-7511

Delegacia Online: BO de perdas e extravios emitidos de forma imediata na PB

15 ago 2019

Na Paraíba, qualquer cidadão pode registrar Boletim de Ocorrência (BO) de perda/extravio e receber o documento na hora. Isso é possível com uso da Delegacia On Line, serviço oferecido pela Polícia Civil, que não exige o deslocamento da vítima até uma delegacia física. Na prática, basta acessar o endereço www.delegaciaonline.pb.gov.br, e comunicar o fato de qualquer lugar e por qualquer ferramenta de acesso à internet. Após esse processo, é possível imprimir o BO imediatamente.

Além das ocorrências relacionadas a perdas de documentos e objetos, ainda é possível fazer o registro de furtos simples, acidentes de trânsito sem vítima, pessoas desaparecidas e encontro de pessoas. Nesses casos, as informações passam por uma validação, que ocorre em dias úteis, de segunda à sexta-feira, das 8h às 18h, com um prazo de 1 (um) dia útil. No caso de pessoas desaparecidas, o BO Também é encaminhado para uma delegacia física. Nesses casos, se aprovado o registro, o usuário receberá em seu e-mail o número protocolo e a senha para acessar e imprimir a Certidão de Registro de Ocorrência. Havendo indeferimento, o cidadão terá uma justificativa pela reprovação e orientações de como proceder para nova solicitação.

De acordo com o delegado Geral de Polícia Civil, Isaías Gualberto esta é uma ferramenta importante, pois é segura e traz agilidade para o cidadão que acessa o serviço. “A Delegacia Online é uma ferramenta que está à disposição da população paraibana, para agilizar o acesso ao serviço da Polícia Civil. No ano passado, foram mais de 20 mil boletins de ocorrência registrados na plataforma. E agora, para facilitar ainda mais, na perda de documentos, o cidadão registra a ocorrência pela internet e já imprime imediatamente o Boletim de Ocorrência. Já nos casos que precisem de uma perícia, o cidadão tem que se dirigir a uma Delegacia de Polícia e registrar a ocorrência. São mais de 300 estruturas disponíveis na Paraíba”, concluiu o delegado Geral.

Assessoria